Conheça Greta Van Fleet, a nova promessa do rock ‘n’ roll

Basta ouvir uma música do Greta Van Fleet e nossa cabeça já nos remete ao rock dos anos 1970 e, de fato, parece que estamos ouvindo algo daquela época. Entretanto, a banda é nova, com artistas novos, que estão dando uma nova cara a cena do rock ‘n’ roll atual. Conheça agora um pouquinho do trabalho dessa banda que dará as caras pelo Brasil nos próximos meses!

Formada em 2012, na cidade de Frakenmuth, no Michigan, a banda é composta pelos gêmeos Josh (vocalista) e Jake Kiszka (guitarrista), de 22 anos, acompanhados de seu irmão mais novo, Sam (baixista), de 19 anos, e seu amigo Danny Wagner (baterista), de 20 anos.

O grupo tem chamado muita atenção não só da mídia, como também dos fãs de bandas de rock setentista, que se espantam com a semelhança entre o som dos rapazes com uma das bandas mais renomadas de todos os tempos, o Led Zeppelin. A semelhança não está presente apenas nas melodias das músicas, como também no timbre de voz de Josh, que se assemelha bastante a voz do lendário Robert Plant.

Embora seja claro que suas raízes estejam no blues, no rock clássico e no hard rock dos anos 70, nos remetendo a artistas como Jimi Hendrix, Eric Clapton, The Doors e Jefferson Airplaine, seria injusto dizer que a banda não passa de uma tentativa de refazer o que já foi feito nos anos 70. Fazendo uma mistura de nostalgia com modernidade, através do som distorcido com riffs crus e marcantes, a banda pouco usa de efeitos e sintetizadores em seu som, além de explorar o grande potencial da voz de Josh, algo que é raro em tempos de auto-tune e milhares de efeitos sobrepostos.

Diversos músicos renomados, incluindo o próprio Robert Plant já fizeram comentários a respeito da música da banda – confira:

“Há esta banda de Detroit chamada Greta Van Fleet, eles são o Led Zeppelin I. Um belo cantor, eu o odeio”, disse Robert Plant, brincando. “Ele roubou a voz de alguém que conheço muito bem, mas o que posso fazer? Pelo menos ele tem um pouco de estilo, pois ele disse que se baseou no Aerosmith”, finalizou em tom de piada.

“Fiquei feliz de verdade ao assistir [a banda]. Gostaria que não soassem tanto como o Led, mas ainda assim, a ideia de quatro garotos subindo ao palco e mandando ver com apenas alguns amplificadores e um kit de bateria, é realmente inspirador, isto faz com que um monte de garotos por aí e que estejam fazendo a mesma coisa, tenham esperança de chegar a algum lugar”, disse Slash.

“Há novas bandas agora. Olhe para o Greta Van Fleet. É uma banda que disse: ‘faz muito tempo que o Led Zeppelin estava por perto, vamos ser o Led Zeppelin’. As pessoas estão prontas para um novo Led Zeppelin, então o rock de guitarra, mais uma vez vai assumir a liderança”, disse Alice Cooper.

Contando com dois EPs e um álbum lançados, o primeiro single lançado pela banda, Highway Tune, já conta com mais de 30 milhões de visualizações, que aumentam a cada dia.

Além disso, em dezembro de 2018, a banda foi indicada a quatro Grammys, como Best New Artist, Best Rock Performance com ‘Highway Tune’, Best Rock Song com ‘Black Smoke Rising’ e Best Rock Album com ‘From the Fires’.

Greta Van Fleet é a prova de que, ao contrário do que dizem, o rock não morreu e nem está morrendo. A menos que se insista em ouvir as mesmas bandas e as mesmas músicas de sempre, o gênero ainda tem muito a oferecer e o surgimento de uma banda como esta atualmente nos dá a esperança de que seja apenas a porta de entrada para novos nomes que estão por vir.

Vale destacar para quem tem vontade de ver o Greta Van Fleet ao vivo que, na quarta-feira, 02, o jornalista José Norberto Flesch afirmou que, além de se apresentar no Lollapalooza, a banda fará shows solo em São Paulo e no Rio de Janeiro na mesma época do festival.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*